Nota de Imprensa: Empresários florestais questionam a utilização dos dinheiros do PDR2020

Numa altura em que se questiona o problema da gestão profissional da floresta, importa dar a conhecer o que se passa com a atribuição dos fundos comunitários destinados ao investimento florestal. E para isso basta aceder aos dados oficiais dos programas – o montante previsto para o sector florestal no presente quadro comunitário, que teve início em 2014, era de 569 650 903 euros (Fonte: GPP – Decisão C (2014) 9896 de 12 de dezembro de 2014)

“Isto Cansa”

Para quem viu, ouviu e viveu, mas ainda não esqueceu, 2003 e 2005 e 2007 e tudo o que aconteceu antes… o que já se disse e discutiu e as barbaridades que se vão ouvindo… vindas de gente que pelo menos devia ter memória e espírito crítico!
Os fogos que importam discutir são os grandes… o que importa efectivamente saber é porque arde tanto e tão depressa…

O Setor Florestal mais uma vez esquecido no PDR2020

Numa altura em que existe um deficit de matéria-prima que põe em causa milhares de postos de trabalho o Governo deixa cair mais uma vez o Sector Florestal. As medidas florestais do PDR2020, que deveriam ter tido início em Março deste ano, apenas agora estão a começar e só se conhece a regulamentação de duas das nove medidas associadas ao sector.

ANEFA QUESTIONA MEDIDA DO GOVERNO PARA LIMPEZA DA FLORESTA

Após o anúncio de ontem, dando conta do protocolo assinado pelo Governo para a limpeza de florestas recorrendo a desempregados e a beneficiários do subsídio de reinserção social, a ANEFA não poderia de deixar de manifestar a sua preocupação por mais esta “acção mediática” que em muito pouco beneficiará a floresta.

Onde pára a diferença

Só a altura do ano, em que todos estão ou de férias ou de recuperação das mesmas, poderá justificar a ausência de comentários na imprensa sobre a Resolução do Conselho de Ministros n.º 70/2012. D.R. n.º 164, Série I de 2012-08-24 e da Presidência do Conselho de Ministros que autoriza a realização da despesa com a aquisição de serviços de execução do cadastro predial, no âmbito do Sistema Nacional de Exploração e Gestão de Informação Cadastral.

ANEFA debate criação de alvará para trabalhos agro-florestais

A ANEFA – Associação Nacional de Empresas Florestais, Agrícolas e do Ambiente organizou no passado dia 25 de Maio, em Coruche, uma Mesa Redonda subordinada ao tema “ A Importância do alvará no sector agro-florestal”.
Este enquadramento específico para as actividadesagro-florestais, regulando o sector quer ao nível das condições sociais e laborais, como de higiene e segurança no trabalho, tem sido há muito reclamado pelos empresários nacionais, e conta agora com o apoio da CIP – Confederação Empresarial de Portugal.

ANEFA reúne com Grupos Parlamentares ProDeR – o princípio do fim!

No passado mês de Outubro, a ANEFA foi recebida pelos diversos Grupos Parlamentares, com o objectivo de apresentar as suas preocupações e visão para o sector florestal.
Dafaltadesustentabilidadeà fracacapacidade de investimento, a Direcção daANEFA realçou a necessidade de implementar medidas e políticas que visem dinamizar e incentivar o sector florestal em Portugal, potenciando o seu valor económico, social e ambiental.

Ler mais

Ao navegar neste site autoriza a utilização de cookies e concorda com a nossa política de privacidade.