Afinal o que se passa com o PDR2020? E a floresta nacional?

Quem esteve atento aos meios de comunicação social, nas passadas semanas, não pode deixar de ficar alarmado com o que se passa com o PDR2020. Há medidas cuja legislação ainda não foi sequer promulgada, e contudo os atuais Governantes são perentórios em afirmar que 95% da verba destinada ao investimento se encontra esgotada (…)

O Setor Florestal mais uma vez esquecido no PDR2020

Numa altura em que existe um deficit de matéria-prima que põe em causa milhares de postos de trabalho o Governo deixa cair mais uma vez o Sector Florestal. As medidas florestais do PDR2020, que deveriam ter tido início em Março deste ano, apenas agora estão a começar e só se conhece a regulamentação de duas das nove medidas associadas ao sector.

ANEFA QUESTIONA MEDIDA DO GOVERNO PARA LIMPEZA DA FLORESTA

Após o anúncio de ontem, dando conta do protocolo assinado pelo Governo para a limpeza de florestas recorrendo a desempregados e a beneficiários do subsídio de reinserção social, a ANEFA não poderia de deixar de manifestar a sua preocupação por mais esta “acção mediática” que em muito pouco beneficiará a floresta.

Concorrência desleal é mais um entrave ao desenvolvimento do sector florestal

Anúncios como o abaixo apresentado são uma constante. As Organizações de Produtores Florestais, financiadas pela Tutela, têm na su a génese o objectivo de realizar a chamada “extensão florestal”, aconselhando e sensibilizando produtores e proprietários para uma correcta gestão florestal, no entanto, o que se observa na sua maioria, é que estas Estruturas prestam serviços como se duma empresa se tratasse.

Formação profissional vedada às empresas agroflorestais

Considerado fundamental para o desenvolvimento da economia nacional, o sector primário é igualmente um pilar social incontornável, pelo que a valorização deste sector deve ser prioritária. Foi com enorme satisfação que ouvimos as declarações do Ministério da Agricultura e do Mar, que na passada semana, reconheceu que “os trabalhos de prevenção estrutural na floresta são trabalhos qualificados que envolvem especialização”.

Pellets a mais ou floresta a menos?

A indústria de pellets de made ira é uma realidade que veio para ficar. Resultado de uma procura conscienciosa da Europa, em reduzir a sua dependência de combustíveis fósseis e atenuar as emissões de CO2.
Milhões de toneladas de pellets são produzidos anualmente, fazendo deste, um negócio emergente e uma oportunidade de revitalizar o sector florestal emtodo o Mundo.

Ao navegar neste site autoriza a utilização de cookies e concorda com a nossa política de privacidade.